Critérios: Avaliação dos Vinhos

PONTUAÇÃO NAS AVALIAÇÕES:

Posts da categoria “Avaliação” terão ao final a pontuação do vinho na escala de 1 a 5. É uma escala mais intuitiva e já adotada por muitos enófilos:

  • 1 taça: Vinho RUIM. Sem as características dos varietais, com sinais de adulteração ou defeitos na vinificação.

  • 2 taças: Vinho RAZOÁVEL. Sem atrativos, sem grandes sinais de adulteração ou defeitos na vinificação e por isto não motivam uma nova degustação.

  • 3 taças: Vinho BOM. Sem defeitos, para degustações despretensiosas. Vinho correto.

  • 4 taças: Vinho MUITO BOM. Sem defeitos, vinhos elegantes, bem produzidos e que materializam não só os varietais/assemblage com também o cuidado do produtor/enólogo na sua elaboração.

  • 5 taças: Vinho EXCELENTE. Com características excepcionais que o diferencia no roll dos bons vinhos.

OBS: Vinhos com defeitos de armazenagem, estocagem (ex: madeirização, oxidação) não serão avaliados.

COMPRA ÓTIMA:

Receberão o selo “Compra Ótima” os vinhos de ótima relação custo-benefício. Para receber este selo os vinhos terão que ter avaliação entre MUITO BOM e EXCELENTE.  O preço do vinho será sempre informado, com exceção de vinhos não comercializados e/ou sem referencia de preço no mercado.

IMPORTANTE:

As impressões publicadas sobre os vinhos são pessoais e meramente ilustrativas, sem a utilização das tecnicas de julgamento internacional.

O blog tem compromisso ético de avaliação idônea e independente, sem favorecimento de qualquer  importadora e/ou vinícola. Vinhos eventualmente recebidos pelo blog serão analisados seguindo os mesmos critérios de avaliação dos vinhos adquiridos.